10 Dicas para superar o bloqueio criativo

By Ayumi Teruya - maio 18, 2017


Escrever é um processo complexo; criamos novas vidas, línguas, espécies e até outros mundos. Muitas vezes nos deparamos com áreas que nem mesmo estávamos familiarizados, viramos desenhistas, músicos, produtores de booktrailer...

E às vezes no meio dessa produção toda, somos possuídos pelo tão famoso e temido BLOQUEIO CRIATIVO, mas você não precisa abraçá-lo. Vamos agora aprender a como superá-lo!


1 - Durma.

Não é loucura não! Descansar faz bem para o nosso cérebro e relaxar também, além disso, ao dormir podemos ter sonhos que podem nos guiar no início de uma nova obra. A lista de obras inspiradas por sonhos é longa, aqui vão alguns exemplos para vocês terem uma ideia: Crepúsculo, Frankenstein, O Médico e o Monstro, Yesterday - Paul McCartney e muitas das obras de Salvador Dali.

2 - Escute música.

As músicas estão lá em todos os momentos das nossas vidas, elas criam climas e estimulam a nossa criatividade. Ouvir música, analisar letras e até fechar os olhos para imaginar uma cena com aquela trilha sonora pode ser o início de algo de muito sucesso.

3 - Desligue todos os aparelhos eletrônicos e tire um tempo para refletir.

Celulares, tablets, televisão, computadores e variações fazem com que procrastinemos. Quanto mais tempo passamos diante desses aparelhos, mais fixados neles vamos ficar e não sobrará tempo algum para o processo criativo. Desligue tudo e tire um tempo para pensar, recordar e refletir, quem sabe algo surja de sua memória ou de uma conclusão de pensamento.

4 - Tome banho!

"No banho é onde temos as melhores ideias". A pessoa que disse isso não poderia estar mais certa, talvez seja a água quentinha combinada com o fato de que estamos sozinhos, não sei... Mas tomar banho é um ótimo momento para pensar e ter ideias. (Só não pode esquecer de anotar depois).

5 - Leia.

Ler é uma ótima atividade para exercitar o cérebro e se inspirar. Você pode se basear em trechos para expandir, diminuir, modificar para melhor, modificar para pior, criar coisas novas na sua própria obra (ou simplesmente fazer isso por diversão).

6 - Faça rabiscos.

Rabisque qualquer coisa onde e quando quiser. Dessa forma você pode deixar tudo fluir para um lugar sem se preocupar com perfeição ou em ser algo sólido. Assim você pode relaxar o cérebro e novas ideias podem surgir até mesmo daquele rabisco.

7 - Faça uma caminhada.

Ao fazer qualquer tipo de atividade física, nosso corpo libera endorfina que é o hormônio da felicidade (causa a mesma sensação de comer chocolate), ela faz com que nós nos sintamos bem e assim podemos trabalhar melhor com as ideias. Além disso, fazer uma caminhada sozinho é um bom momento para pensar e organizar ideias.

8 - Comece outra obra.

Ficar muto tempo focado numa coisa só não é bom, porque você descarta ideias que poderiam ser proveitosas no futuro, descanse um pouco e comece a fazer outra obra sem compromisso algum, é só para mudar um pouco de ares.

9 - Pare!

Pare de se preocupar tanto com o andamento da obra, quanto mais você pensa "tenho que criar, tenho que produzir" mais difícil vai ficar de realmente fazer. Que tal sair e tomar um sorvete?

10 - Discuta ideias com outras pessoas.

Muitas vezes nós nos isolamos para termos ideias, mas isso nem sempre é saudável. Sair e conversar sobre coisas aleatórias, discutir ideias ou falar sobre o futuro podem ser portais para um novo bestseller ou obra de arte. Quem disse que escritor deve ser uma pessoa solitária?

Essas foram as minhas dez dicas. E você, tem alguma para nós?

Boa escrita!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Seja bem-vindo ao Projeto Escrita Criativa!
Deixe o seu comentário e interaja conosco. ;)