Escritor Destaque #1: Lenise Battisti

By Fernanda Rodrigues - abril 06, 2018

Imagem: Bru-nO
Olá, escritores!
Vamos conhecer a primeira Escritora Destaque do Projeto Escrita Criativa? Se você ainda não sabe do que se trata, clique aqui para entender como funciona esta sessão do blog e como você poder fazer para participar.

Sobre você

Nome: Lenise Battisti
Idade: 27 anos
Onde vive: São Miguel do Iguaçu/PR
Formação/Profissão: Psicóloga

Sobre a sua experiência de leitura

Projeto Escrita Criativa: O que está lendo no momento?
Lenise Battisti: Atualmente estou lendo o livro Extraordinário, que tem me emocionado muito. É um livro que recomendo para todos. Fala sobre um garoto que nasceu com uma deformidade facial e passou por muitos procedimentos cirúrgicos e a trama mostra o momento em que ele começará a estudar em uma escola regular, e todas as dificuldades e desafios que isso reserva para ele. Assisti ao filme no final do ano passado (normalmente leio o livro antes de assistir a adaptação, mas acabei não resistindo), e agora estou me apaixonando também pelo livro.

PEC: Qual é o seu autor preferido? Por que o admira?
LB: Desde a minha infância, minha autora preferida é a J.K. Rowling. Ela é sinônimo de perseverança e nos ensina a lutar pelos nossos sonhos. Ela passou por dificuldades em sua vida pessoal, sofreu com a morte de sua mãe, sofreu violência doméstica por parte de seu marido e teve depressão. A escrita foi um dos fatores que a ajudou nesse processo para conseguir seguir em frente. Ao escrever Harry Potter, ela foi rejeitada por diversas editoras, e mesmo assim, não desistiu, se tornando o sucesso que é hoje. É comum nos abatermos com as dificuldades, querermos desistir no primeiro obstáculo, e eu admiro a força que ela teve e a forma como deu a volta por cima, mesmo com as experiências ruins que teve na vida.

PEC: Qual é o seu livro preferido? Por quê?
LB: Como Harry Potter fez parte da minha infância, tenho que citá-lo. É uma série de livros que li entre a infância e a adolescência, onde tive muitos ensinamentos, que levei até mesmo para minha vida pessoal. Harry Potter é uma leitura para todas as idades, vai além de um livro de magia/ficção, também trata de assuntos que fazem parte da nossa rotina e nos ensina a sermos pessoas melhores. 

PEC: Qual livro você não gostou e por quê? 
LB: O Segredo, de Rhonda Byrne. Foi um dos poucos livros de auto-ajuda que eu li e não gostei justamente por ser um livro de auto-ajuda, pois é um gênero literário que não me atrai; além disso, sou formada em Psicologia, então esse gênero não funciona para mim, mas respeito quem gosta e até entendo quem acredita no que está escrito nesse tipo de livro.

PEC: Qual livro você sempre recomenda para todo mundo? O que te faz recomendá-lo?
LB: Vou citar dois livros: Orgulho e Preconceito, de Jane Austen e O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry. Lembro que ter lido Orgulho e Preconceito e me encantado com a escrita de Jane Austen instantaneamente, assim como pelos personagens do livro; é uma leitura envolvente e diferente do que costumamos ler, já que Jane nos ajuda a entender cada personagem e termos sentimentos diversos por cada um deles e a maioria das pessoas que sei que leram o livro tiveram a mesma sensação. Já O Pequeno Príncipe li ainda na minha infância, parece uma leitura simples, mas nos traz muitas reflexões, nos faz pensar sobre nossas vidas e a diferença que fazemos na vida das pessoas, principalmente quando a cativamos; é um livro que deve ser trazido para o contexto de vida de cada um, para que possamos entender o verdadeiro sentido do mesmo.

Sobre a sua experiência como escritora

Blog da Lenise Battisti: Pensamentos Aleatórios.

PEC: Quando você começou a escrever?
LB: Comecei a escrever ainda na adolescência, lembro que na escola tinha aulas de Produção de Texto e gostava muito, sendo sempre elogiada pelos professores. Gostava de escrever poemas e contos, mas infelizmente nunca guardei meus textos e posteriormente acabei parando, voltando a escrever apenas quando resolvi criar o blog Pensamentos Aleatórios, em 2014.

PEC: Por que começou a escrever?
LB: Eu tinha um pouco de dificuldades em me expressar, fui uma adolescente tímida e conseguia, através da escrita, expressar meus sentimentos e pensamentos, inclusive jogava RPG online e adorava criar personagens. Era algo que me fazia extremamente bem. Comecei a escrevendo na escola, através de textos solicitados pelos professores, mas depois passei a escrever em cadernos que guardava apenas para mim, escrevia sobre as experiências que vivenciava e sobre os sentimentos em relação à diversas pessoas, era uma forma de desabafar e lidar com as diferentes situações da minha vida. Quando entrei na faculdade acabei deixando a escrita um pouco de lado, e com o tempo percebi que isso estava me fazendo falta e resolvi criar meu blog.

PEC: Você vê a escrita como hobby ou profissão? Por quê?
LB: Até pouco tempo via apenas como um hobby, algo que fazia para me sentir melhor e como uma forma de me expressar e demonstrar o que sinto. Atualmente, após ter participado da antologia do Projeto Escrita Criativa, comecei a ver a escrita de outra forma, talvez ainda não como uma profissão, mas estou pensando em novas possibilidades.

PEC: Tem algum texto/livro publicado? Se sim, quantas publicações? Fale um pouco sobre elas.
LB: Através do Projeto Escrita Criativa tive a oportunidade de publicar alguns dos meus textos, juntamente com outras autoras do projeto, na antologia Amor e Resiliência, que está sendo vendida na Amazon. São textos publicados no meu blog com temas e desafios criativos sugeridos no Projeto. Foi uma experiência diferente e que me deixou muito orgulhosa e feliz, só posso agradecer às idealizadoras do Projeto por essa oportunidade.

PEC: Está trabalhando em algum livro novo? Se sim, pode nos contar um pouco sobre ele?
LB: Estou pensando nessa possibilidade, mas ainda não estou trabalhando nisso. Além disso, estive um pouco afastada do blog por questões pessoais, e estou tentando retornar aos poucos.

PEC: Como conheceu o Projeto Escrita Criativa? Ele te ajudou a aprender algo? Se sim, como ele fortaleceu a sua experiência de escritor?
LB: Em alguns momentos tenho bloqueio criativo e dificuldades na criação de novos textos, assim, tentei procurar grupos no Facebook que pudessem me ajudar nessa questão, tendo encontrado o Projeto Escrita Criativa, que tem sido muito importante em me ajudar a lidar com essas dificuldades. Através do Projeto, consegui perceber minhas habilidades enquanto escritora, além daquilo que preciso melhorar na minha escrita; além de me entender como escritora, em relação ao meu estilo de escrita e forma de escrever.

Palavra Final

PEC: Deixe o seu recado para os leitores do blog do Projeto Escrita Criativa:
LB: Primeiramente, gostaria de agradecer à moderação do Projeto Escrita Criativa, pelos ensinamentos e apoio desde que entrei no Projeto, ter essa oportunidade é algo incrível. Também quero agradecer aos leitores do blog, por terem lido até aqui e por apoiarem esse projeto tão lindo. Muitas vezes temos a sensação de que “escrevemos apenas para nós”, mas saber que há alguém que se importa com a nossa escrita e que, de alguma forma, está ao nosso lado, é algo que não tenho palavras para definir o quanto me deixa emocionada e feliz. Fico muito honrada ao ler comentários de pessoas que dizem ter se identificado com algum texto meu, isso significa que os mesmos sentimentos fazem parte de nossas vidas. Então, se vocês tiverem interesse de conhecer mais a respeito dos meus textos, podem visitar meu blog ou entrar em contato comigo, terei o imenso prazer em conversar com cada um de vocês. Obrigada!

Entre em contato com a autora

Quer conhecer mais do trabalho da Lenise Battisti?
Acesse: Blog Pensamentos Aleatórios | Facebook | Twitter | Instagram | E-mail

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários

Seja bem-vindo ao Projeto Escrita Criativa!
Deixe o seu comentário e interaja conosco. ;)